Notícias em Destaques

21/12/2021

Ouvidora da PARANAPREVIDÊNCIA participa da apresentação do balanço da CGE em 2021

O contato com o cidadão e com os servidores balizou as atividades da Controladoria-Geral do Estado (CGE) em 2021, e está entre os projetos para o próximo ano. O balanço foi apresentado na sexta-feira (17), no auditório do Museu Oscar Niemeyer, para servidores que desempenham funções da CGE em órgãos e entidades do Governo do Estado, que contou com a participação da Ouvidora da PARANAPREVIDÊNCIA, Enoy Cantelmo.

O Programa de Integridade e Compliance avançou e já está presente em 35 órgãos ou entidades do Governo do Estado. Neste ano, foram entrevistados cerca de 3 mil servidores, praticamente metade dos mais de 6.500 ouvidos desde 2019, quando foi implantado pela lei 19.857/2019.

“A lanterna está na mão do servidor e do cidadão. São eles que podem trazer luz irregularidades e atos de corrupção que são cometidos na sombra. É por isso que a CGE estimula todo servidor e todo cidadão a usar o canal da ouvidoria e apresentar suas solicitações, propostas e denúncia. É um direito e nós temos o dever de investigar. Essa é uma determinação do governador Carlos Massa Ratinho Júnior”, afirmou Siqueira.

Ouvidoria-Geral é uma prova da evolução: em 2021 houve aumento no número de atendimentos de 20% em relação ao ano passado, 25% em relação a 2019 e 55% em relação a 2018. O tempo médio de resposta já foi 35 dias, em 2018; 25, em 2019; 16, em 2020; e em 2021 foi reduzido para 7 dias. O resultado tem colocado o Paraná como referência nesta área para outras administrações.

Denúncias, solicitações e propostas fazem parte do Controle Social, que é exercido pela sociedade sobre a gestão pública. Como forma de qualificar este controle, a CGE tem promovido cursos por meio da Escola de Governo, mas neste ano lançou seu programa CGE – EAD, com capacitações sobre os procedimentos e leis de abrangência da Controladoria.

Siqueira apresentou o balanço das ações para os mais de 150 servidores que foram ao auditório do MON. Eles eram agentes de Ouvidoria, de Transparência, de Integridade e Compliance, e de Controle Interno, que trabalham em órgãos ou entidades da administração direta e indireta.

“O agente deve trabalhar ombro a ombro com os gestores, auxiliando a condução da gestão colaborativa dentro da ética e da legalidade. Seu papel é recomendar e trabalhar em harmonia com a alta administração”, destacou Siqueira.

*Com informações da Agência Estadual de Notícias

CGE

Da esquerda para a direita: Diretor de Auditoria, Controle e Gestão da CGE, Gilberto Antonio de Souza Filho; Coordenador de Ouvidoria, Yohann Garcia de Souza; Ouvidora da PARANAPREVIDÊNCIA, Enoy Cantelmo e o Controlador Geral do Estado, Raul Siqueira.



Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.

Serviços on-line

Todos os serviços
  • Acesso ao Sistema PRCONSIG
  • Sistema de Agendamento
  • Portal da Transparência PRPREV
  • Integridade e Compliance
  • Programa Viver a Vida
  • Pró-Gestão
  • Licitações ao Vivo
  • Acesso Restrito Emrpegado
  • Canal de Denúncias

Atendimento

  • Atendimento Telefônico 0800-643-0037
  • Locais de Atendimento

    Encontre o posto de atendimento mais próximo de você

  • Horário de Atendimento do Call Center

    08h30 às 18h00

  • Fale Conosco

    Entre em contato por e-mail para tirar suas dúvidas, fazer críticas e elogios.

    Enviar Mensagem